INVOCAR O NOME DO SENHOR.

Não há salvação em nenhum outro; porque abaixo do céu não existe nenhum outro nome, dado entre os homens, pelo qual importa que sejamos salvos. (At 4:12)

Paulo não teve oportunidade de conviver com o Senhor Jesus quando Ele esteve na terra, pois sequer O conheceu, mas foi fiel em registrar em suas epístolas as revelações que recebera a respeito da economia neotestamentária de Deus.

Os doze discípulos, por sua vez, andaram com o Senhor Jesus durante três anos e meio, durante os quais o Senhor pôde treiná-los pessoalmente, não apenas por meio de ensinamentos, mas usando situações, eventos e pessoas. Além disso, após Sua morte e ressurreição, o Senhor deu aos discípulos a comissão de pregar o evangelho (Mt 28:19; Mc 16:15). Antes de ascender aos céus, durante quarenta dias, o Senhor Jesus apareceu a eles e lhes falou das coisas concernentes ao reino de Deus (At 1:3).

Com a ascensão do Senhor, os discípulos precisariam aprender a contatá-Lo por meio do Espírito, o que exigia um exercício constante. Então, em Atos 2, no dia de Pentecostes, cento e vinte irmãos estavam em oração quando o Espírito foi derramado, e todos eles passaram a falar em línguas aos judeus que haviam vindo a Jerusalém de diversas partes do mundo (vs. 1-4).

Uma vez que os judeus não podiam entender o que estava acontecendo, Pedro levantou-se e disse que aqueles homens não estavam embriagados, mas estava se cumprindo o que havia sido profetizado pelo profeta Joel (Jl 2:28-32). Apesar de todas aquelas manifestações exteriores do Espírito citadas na profecia, o mais importante é que todos ali fossem salvos por meio de invocar o nome do Senhor; por isso Pedro apresentou esta porção da Palavra que dizia: “E acontecerá que todo aquele que invocar o nome do Senhor será salvo” (At 2:21). Naquele dia quase três mil aceitaram a Palavra e foram batizados (v. 41), e rapidamente o número de homens crentes subiu a quase cinco mil (4:4). Dessa forma, os apóstolos levaram adiante a comissão de ajudar outros a invocar o nome do Senhor.
(Dong Yu Lan)

Anúncios